22 out

Por RAQUEL FEJGIEL

Na atual conjuntura das multiplataformas de comunicação, os leitores obtém conteúdos de moda de todas as formas possíveis, desde os clássicos jornais e revistas impressas até frases de duas linhas em postagens no Instagram. Esse bombardeamento de informações pode até parecer “too much” para um leigo ou quem tem moda para si como um hobby, mas para as grandes marcas quanto maior a possibilidade de se comunicar com seus clientes, melhor. É nesse momento que entra o trabalho do assessor de imprensa, ele é aquele que vai do backstage das grandes reportagens de moda até por trás das passarelas dos desfiles. Abaixo, as 5 dicas essenciais para quem quer ser um Fashion PR

 

Esteja atento a todos os tipos de comunicação de moda
Em um período comunicacional marcado por multiplataformas, entenda que uma marca, seja ela grande ou pequena, tem a necessidade de ser vista por todo seu público alvo. Ou seja, além de priorizar a saída de matérias sobre ela na grande imprensa não se esqueça de outras formas de comunicação, como os Instagrams de famosas influenciados digitais, notas em blogs e sites regionais e em veículos para públicos segmentados. Entenda que mais matérias falando sobre o seu cliente faz com que mais pessoas falem sobre o produtos e gere mais vendas e reconhecimento para a grife.

Entenda seu lugar dentro das marcas
O assessor de imprensa pode aparentemente saber tudo sobre a marca que ele atende, mas ele jamais poderá se pronunciar em nome dela sem antes consultar o dono ou o marketing. Uma informação dada às pressas ou de forma exagerada apenas para não deixar de sair em determinada matéria pode se um “tiro no pé”. Ao receber qualquer pauta  passe sempre primeiro para a marca e decidam juntos se vão entrar na matéria, e em caso positivo decidam também juntos o que falar para os jornalistas.

Esteja atento aos feedbacks do público em geral
Se uma amiga reclamar da marca X que porventura você faz a assessoria de imprensa, não tente defender seu cliente impondo sua opinião; ouça primeiro o que ela, cliente da marca, tem a questionar sobre o posicionamento da grife. O assessor de imprensa é a ponte entre a imprensa e clientes e a direção/marketing da empresa. Ouvir feedbacks positivos ou negativos dos veículos e do público alvo é o melhor caminho para consertar erros e focar em um trabalho perfeito internamente.

Por dentro da moda: Raquel Fejgiel trabalha na agência de comunicação Canal A, onde cuida de diferentes marcas do universo fashion

Pense e trabalhe “fora da caixa”
Se o estilista da marca que você atende está com dificuldade para criar novidades ou se você atende uma grife pequena que só desenvolve duas coleções por ano você deve pensar em inovar e ampliar o leque de possibilidades de pautas nas quais ele pode sair. Se reúna sempre com o marketing, CEO, dono da marca, estilista ou quem responde pela grife para conversar sobre como está o andamento das vendas, coleções, etc, ou seja, entenda bem o que se passa com seu cliente; assim você pode sugerir para os jornalistas dos grandes veículos pautas até mesmo sobre economia ou inovação e sair da mesmice de pautas clássicas de moda.

Saiba lidar com gerenciamentos de crise das marcas
Se o grande estilista da marca que você atende resolve mudar de grife ou se sua marca desenvolve uma estampa que é considerada racista parece que o mundo está entrando em colapso e o seu telefone vai tocar mil vezes por dia até que todos os veículos decidam parar de falar do assunto. Crise é crise e o assessor de imprensa de moda deve saber lidar com isso com tranquilidade e entendendo sempre os dois lados da situação, ou seja, os pós e contras. É essencial você tem em mente que nem sempre seu cliente está certo ou a imprensa está sendo imparcial, por isso, você deve apurar com muita cautela todas as informações e ter controle sobre tudo que sair na imprensa sobre a marca durante determinada crise interna ou externa. Produza um comunicado junto a equipe da marca o mais rápido possível e o disponibilize para todos os veículos, isso evita que saiam informações falsas e amplie ainda mais a crise.

veja também os posts relacionados

Comente via Facebook

Deixe seu comentário

Instagram
Leitura de moda